sexta-feira, 15 de março de 2019

Como funciona a mente de um Psicopata (Sociopata)

Imagem: Google

A Psicopatia ou Sociopatia é um desvio de personalidade cuja característica essencial é um padrão de desrespeito pelas pessoas, ou uma violação dos direitos de outros.
Segundo o DSM-IV, a Psicopatia se caracteriza pela presença de pelo menos três dos seguintes comportamentos:


  • incapacidade de se adaptar às normas sociais com respeito a comportamentos dentro da lei, conforme indicado pela repetição de atos que são motivos para prisão
  • enganosidade, indicado por mentiras repetidas, uso de pseudônimos ou enganar os outros para fins de lucro pessoal ou prazer
  • Impulsividade ou incapacidade de planejar antecipadamente
  • irritabilidade e agressividade, indicado por agressões físicas e brigas repetidas
  • desrespeito imprudente pela própria segurança e de outros
  • irresponsabilidade consistente, indicada por falhas repetidas na manutenção de trabalho consistente ou de honrar suas obrigações financeiras
  • falta de remorso, indicada pela indiferença ou o uso de racionalizações ao fato de ter ferido, maltratado ou roubado de outras pessoas


Segundo o site Cérebro e Mente: "O mais assustador é o fato que entre 1 e 4% da população é sociopata (psicopata) em maior ou menor escala, mas a maioria das pessoas não é criminosa e é capaz de se controlar dentro dos limites da tolerabilidade social. Eles são considerados somente como "socialmente perniciosos", ou têm personalidade odiosas, e cada um de nós conhece alguém que se ajusta a esta descrição. Políticos corruptos e cínicos, que sobem rapidamente na carreira, líderes autoritários, pessoas agressivas e abusadoras, etc., estão entre eles. Uma característica comum é que eles se engajam sistematicamente em enganação e manipulação de outros para ganhos pessoais."

"No entanto, apenas uma pequena fração dos sociopatas se desenvolve em criminosos violentos, estrupradores e assassinos seriais. Em casos mais severos, a doença pode evoluir para canibalismo e rituais sádicos de tortura e morte, frequentemente de natureza bizarra. Há um amplo consenso que estas formas extremas de sociopatia violenta são intratáveis e que seus portadores devem ser confinados em celas especiais para criminosos insanos por toda a vida. Um sociopata típico deste tipo foi retratado por Dr. Hannibal "O Canibal" Lecter no seriado, filme e livro "O Silêncio dos Inocentes"."

Psicopatia
  • Não confundir com psicótico (doente mental que sofre de psicose). Psicopata ou sociopata refere-se a uma condição que é uma característica de personalidade, por isso não é uma doença propriamente dita. O indivíduo, devido a esta peculiaridade de ser, sofre ou faz sofrer aos outros.
  • O psicopata é um indivíduo quase sempre impulsivo, incapaz de tolerar frustrações, não consegue atingir os sentimentos superiores (amor, altruísmo, sentimentos, espirituais), sendo um ser egoísta e por isso apresenta quase sempre condutas não aceitas socialmente, apesar de serem compreendidas (não se comportam como "loucos").
  • Os traços psicopáticos acentuam-se na adolescência e, segundo alguns autores, acompanham o indivíduo por toda sua vida. O psicopata geralmente não se motiva a procurar psicoterapia (se o faz é para conseguir outro intento que não o do seu amadurecimento) e por isso é tido como condição irrecuperável.


Sou Psicóloga (CRP 12/01422), formada em janeiro de 1995 pela UFSC, no entanto o objetivo destes posts não é dar aconselhamentos pela Internet (até porque o Conselho Federal de Psicologia proíbe esta prática) e sim falar de comportamento com o intuito de informar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O MATERIAL DO BLOG É INFORMATIVO, NÃO SUBSTITUI A TERAPIA OU PSICOTERAPIA OFERECIDA POR UM PROFISSIONAL.

Psicólogia Floripa. Todos os direitos reservados © Tema criado por Lory Design Studio